Macbook novo? primeiros passos…


não costumo replicar/copiar aqui, mas achei interessante este artigo da Macworkd.

confira então – Mac novo, 8 coisas para se fazer!

1.Arranje uma solução de backup

Sim, esse é o primeiro passo. Arrumar um backup é algo chato e nada divertido, e não envolve brincar com nenhum app ou software divertido. Mas o seu eu no futuro vai agradecer o seu eu do Natal, e com boas razões: ter uma boa solução de backup significa que agora você não irá perder nenhum dado insubstituível.

2.Instale o Dropbox

Esse segundo passo pode casar muito bem com o anterior. O Dropbox é um utilitário gratuito e fácil de usar que não apenas faz backup dos seus arquivos, mas também os sincroniza de forma fácil com outros aparelhos. Quando você instala o Dropbox, os arquivos e pastas que você arrasta para dentro da pasta do Dropbox automaticamente é feito o backup deles para o site do programa – e eles também são sincronizados com outros computadores e aparelhos (como iPhones e iPads) logados na mesma conta do Dropbox. É uma solução mágica e obrigatório. Nenhum Mac está completo sem ele.

3.Ajuste as configurações do modo que preferir

Esse é o seu Mac. Por isso, é hora de fazer ele parecer e agir ao seu modo. Abra as Preferências de Sistema (no Dock padrão, ou pelo menu da Apple) e acesse todos os paineis de opções. Se não tem certeza do que algo pode fazer ou não vê nenhum benefício em mudar, é melhor deixá-lo em paz, é claro. Mas mudar opções como Cor de Destaque (Highlight Color), em Geral, a imagem de fundo do Mac, em Desktop & Protetores de Tela, ou o alerta padrão de som, em Som → Efeitos de Som, é o seu direito mais básico.

4.Domine os gestos

Se o seu novo Mac possui um trackpad – seja no MacBook ou se você comprou o Magic Trackpad para o iMac/Mac Mini – separe algum tempo para aprender sobre os muitos gestos embutidos no sistema Mac OS X Lion. Uma das maneiras mais simples de descobri-los é indo até as Preferências de Sistema. Uma vez que estiver lá, clique em Trackpad, onde encontrará três abas com atalhos de mouse. Mova o cursor sobre cada uma deles e será mostrado um vídeo sobre como acionar cada um deles. Alguns deles podem realmente melhorar sua experiência de uso no Mac.

5. Descubra a Mac App Store

Em um Mac novo, ela está logo ali no Dock – o círculo azul com um “A” estilizado dentro. A Mac App Store é uma loja que oferece milhares de aplicativos, e baixar e instalá-los é uma tarefa bastante simples. Muitos apps são gratuitos, enquanto que outros são pagos, com preços começando em US$1 e chegando até os centenas de dólares. Apesar de você poder – e dever – buscar muitos outros apps fora dos “muros” da Mac App Store, a loja da Apple é uma boa opção de descobrir aplicativos interessantes, ler reviews, e ter um conhecimento geral sobre o mercado de programa para Mac.

6.Faça uma videochamada com alguém pelo FaceTime

Fazer uma videochama pode não parecer mais algo do futuro, mas ainda é bem incrível. Talvez nenhum software no mundo torne esse processo de iniciar (e receber) ligações em vídeo como o FaceTime, da Apple, que já vem embutido no Lion. Qualquer pessoa rodando o Lion ou Snow Leopard, um iPhone 4 ou 4S, ou um iPad 2, pode fazer uma chamada no FaceTime com você. Isso é um monte de gente.

7.Baixe o Chrome

Apesar de o navegador da Apple, o Safari, ser um ótimo utilitário, a sua versão 5.1 trouxe algumas coisas irritantes que tornaram sua experiência menos agradável. O Chrome, da Google, não é pefeito, mas é gratuito, e no uso no mundo real, provou ser mais rápido e confiável, e com menos problemas do que o browser da “maçã”.

8.Faça uma faxina

O desktop do Mac é o seu local de trabalho (e diversão). Deixe-o arrumado ao remover apps do seu Dock que você não costuma usar muito. Para isso, saia do app se ele estiver aberto, e então simplesmente arraste seu ícone para fora do Dock. Ele desaparecerá em um sopro de fumaça virtual, apesar de continuar seguramente armazenado na sua pasta de aplicativos, pronto para ser usado de novo quando você precisar. Também considere criar uma “gaveta de lixo” no destkop, para que você possa armazenar arquivos que ainda não estão prontos para ficar por lá, em vez de amontoá-los todos no próprio desktop.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s